Maternidade Nossa Senhora da Penha envolve pacientes e comunidade em ação educativa de Carnaval

09 de Fevereiro de 2018

Profissionais percorreram instalações da unidade e ruas da região para conscientizar sobre os cuidados na folia

A sexta-feira (9/2) começou em ritmo de Carnaval na Maternidade Nossa Senhora da Penha, no bairro do Anjo da Guarda, em São Luís (MA). A equipe desenvolveu uma atividade de conscientização com entrega de kits com preservativos e panfletos para visitantes e comunidade. Os profissionais também fizeram pintura artística na barriga das gestantes, arte com a placenta e cortejo carnavalesco nos leitos.

No início da manhã, as gestantes e visitantes foram abordados pela alegria da equipe, na recepção da maternidade. Os profissionais entregaram acessórios carnavalescos e kits de prevenção contra DSTs/Aids, contendo preservativos masculinos e femininos e lubrificantes. A equipe explicou, em seguida, sobre a importância dos cuidados com a saúde no Carnaval.

A comunidade, tradicional por suas manifestações culturais, também foi contemplada com a ação. Percorrendo a rua onde funciona a unidade, os profissionais compartilharam informações e distribuíram o material de campanha. “Essas atividades levam informações também para a comunidade com o objetivo de efetivar uma visão social de prevenção, para que as pessoas sejam capazes de identificar os riscos”, explicou a coordenadora de enfermagem da Maternidade Nossa Senhora da Penha, Luciana Ferreira.

Nos leitos, as mães contaram com a visita do bloco formado por médicos, enfermeiras e técnicos de enfermagem. Franciene dos Santos, que recebeu nos braços o bebê Artur às 6h30 desta sexta-feira, também entrou no clima de Carnaval de forma especial. Quando o bloco da maternidade visitou seu leito, entregou uma pintura feita com a placenta. “Essa é uma grande lembrança e vou guardar para sempre”, destacou a parturiente.

A arte no Carnaval também foi registrada na barriga da gestante Juliana Rodrigues. “Achei excelente essa surpresa da pintura. Aqui, onde também faço o pré-natal, sempre fui muito bem atendida. Vou guardar a foto desse momento para mostrar para o Samuel, quando nascer”, ressaltou.

A Maternidade Nossa Senhora da Penha, gerenciada pelo Instituto Acqua em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde, beneficia cerca de 250 mil habitantes de 58 bairros da área Itaqui-Bacanga, na Capital maranhense.